Just another Brazilian Student in Ireland

Escócia – Part III – Edimburgo

Bom dia pessoal, cá estou novamente para contar o restante da nossa aventura pela Escócia, que eu dividi em 4 partes, para que a leitura não se tornasse cansativa demais e também para que eu pudesse lembrar de todos os detalhes.  Se você ainda não leu a Part I e Part II pode fazer clicando nos links.

Após pegarmos o trem na estação Queen Street em Glasgow desembarcamos em Edimburgo por volta das 20h30 da noite e logo que se chega na cidade a primeira boa impressão é o castelo que fica no topo de um vulcão “adormecido”. A linha de trem passa bem embaixo então é só olhar para cima um pouco antes da estação final, e com certeza é uma vista deslumbrante.A caminhada até o hostel não demorou muito, por volta de 10 minutos, fomos direto pra lá uma vez que estávamos cansados e precisando de um banho, sem contar o frio e a chuvinha fina que incomodava. Ficamos no hostel Caledonian Backpackers, por volta de 15 libras por pessoa com café da manha incluído. É uma boa opção para quem quer economizar. Após uma merecida noite de sono, café da manhã tomado é hora de deixar o hostel e ir se aventurar em Edimburgo, acordamos cedo para podermos dar uma volta antes de nos juntarmos a ” Walking Free Tour” que acontece todo dia , acredito eu, e como o nome diz é FREE.

Logo após deixarmos o hostel fomos em direção ao castelo, fizemos algumas fotos em frente à igreja St. John Episcopal Church e seguimos em direção ao castelo, passamos por um típico cidadão escocês e continuamos nossa caminhada, e sempre boquiabertos com a grandiosidade e imponência do castelo. Segue algumas fotos para vocês terem uma idéia.

St John Episcopal Church

 

Castelo de Edimburgo

 

Edinburgh's Castle

Ok, talvez pelas fotos não seja tão bonito assim como eu falei, eu não sou um bom fotográfo, mas seguindo rumo ao topo do castelo, chegamos a Royal Mile, que é a rua que dá acesso ao castelo, que custa 15 libras por pessoas para entrar, nós como turistas ralé que somos só passamos em frente, como o nosso guia disse, os escoceses são muito criativos com nome de ruas, então Royal Mile tem esse nome porque é a distância entre o castelo e o parlamento – Uma milha real. Decidimos por entrar em um lugar que aparentava ser uma loja de souvenirs, mas que na verdade além disso era uma tecelagem, o caro e cobiçado Cashmere (Casimira é um termo genérico para alguns tecidos de lã, ou lã e poliéster, e que usam ligamento em sarja, possuindo trama fechada e sendo geralmente usados na confecção de ternos, saias, tailleurs etc., Fonte: wikipédia). Confiram as fotos à seguir:

Continuando pela Royal Mile, encontramos uma Whiskeria, imperdoável se não entrassemos nesse local no país do Whiskey.Garrafas de Black Label a 16 pounds. Eu que não sou conhecedor de whiskeys pouco posso falar sobre o assunto, mas levamos algumas mini-garrafas para não passar em branco é claro.

Black Label

 

Whiskeys!!

Seguindo pela Royal Mile, eis que nos deparamos com essa igreja belíssima, e é claro não podia faltar uma foto né:

O sol decidiu aparecer no final da tarde

Descendo mais um pouco pela Royal Mile, entrando em várias lojas, comparando preços, admirando as antigas construções, tudo é de encher os olhos e com certeza muito bonito e muita história, quase nos atrasamos para o Tour. Eis que fomos ao ponto de encontro dos turistas para seguir com o Tour, nosso guia foi o Troy, um australiano que veio visitar Edimburgo em 2009 e desde então se apaixonou pela cidade e adotou como seu novo lar.Havia o tour com um guia que fala espanhol, mas optamos pelo inglês, afinal esta é a razão de estarmos aqui, não é mesmo?

Bom pessoal, em um próximo post continuo e se possível acabo de contar toda a nossa aventura por Edimburgo e pela escócia, vou contar também o que Edimburgo tem a ver com Harry Potter e também a história do Bobby.Segue então mais algumas fotos, abraços e até a próxima.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

2 Respostas

  1. Daiana

    Pois vini esta um espetacúlo muito lindo, nós aqui olhando as fotos ficamos na imaginação, de como é estar perto de tudo isso deve mesmo ser muito emocionante. mas estão de parabéns fico no aguardo da IV parte. Beijus .

    12 de junho de 2011 às 12:06

  2. teresinha

    vini finalmente depois de olhar varias vezes vou te falar parabens vcs merece tudo esta lindo vc faz nos ficar mas atolizados e as fotos estão linda bjus

    12 de junho de 2011 às 13:40

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s